Roma Brasil.com

Pallotta: 'Alisson não está à venda'

O presidente da Roma, Jim Pallotta, assegurou que está mirando na final da Liga dos Campeões e que "não há como" Alisson Becker ser vendido. O patrono norte-americano voltará a Boston de manhã depois de ter participado da vitória da Liga dos Campeões sobre o Barcelona e do Derby della Capitale.

“Foi uma semana difícil depois do jogo com o Barcelona e estamos um pouco desapontados esta noite. Não devemos apenas pensar na semifinal com o Liverpool, mas nos outros jogos também ”, disse ele à Sky Sport Italia.

“Por que não podemos chegar à final? O Liverpool é um time forte, mas podemos jogar bem também. É praticamente um clássico em Boston! Ninguém deveria ficar surpreendido com a Roma na Europa, porque vencemos o grupo à frente do Chelsea, vencemos o Shakhtar e jogamos bem, mesmo na primeira partida em Barcelona. O resultado da primeira partida não refletiu o que vimos no campo e provamos isso na partida de volta. ”

Pallotta visitou o elenco no vestiário para dar uma conversa estimulante, mas não revelou o que ele disse. "O que acontece em Vegas, fica em Vegas. É o mesmo para o vestiário.

Entre as razões para o sucesso da Roma nesta temporada está o goleiro Alisson Becker, procurado pelo Liverpool, Paris Saint-Germain e Real Madrid. “Eu não entendo porque as pessoas continuam me perguntando se Alisson será nosso goleiro na próxima temporada. Nós não temos intenção de vendê-lo. Sem chance.

"Nós pensamos que ele era um grande goleiro quando o contratamos e não há como estarmos vendendo."

Pallotta comemorou a vitória sobre o Barcelona mergulhando em uma fonte, o que lhe valeu uma multa quando se encontrou com o prefeito de Roma, Virginia Raggi, para discutir o projeto do estádio.

“Conversamos mais do que qualquer outra coisa sobre dinheiro. Ela me multou, tenho que dar ao prefeito 240 mil euros. E a água estava fria ... Como ele vai comemorar se o Giallorossi vencer o Liverpool na semifinal? “Há muitas fontes em Roma. Eu poderia até ir ao Coliseu.